O comentário esportivo do Sbt Rio Grande

VAMOS COMEÇAR FALANDO DO INTER, APÓS MAIS UM RESULTADO DECEPCIONANTE PELO BRASILEIRO/
NÃO QUE SEJA ANORMAL EMPATAR COM O SPORT DO RECIFE FORA DE CASA E DIANTE DE UM TIME QUE TAMBÉM ESTÁ BRIGANDO PELO REBAIXAMENTO/
ACONTECE QUE O INTER ESTAVA GANHANDO O JOGO AOS 45 MINUTOS DO SEGUNDO TEMPO, QUANDO SURGIU O GOL DE EMPATE/
INACREDITÁVEL, ALIÁS, O INTER ESTÁ SE ESPECIALIZANDO EM ENTREGAR A RAPADURA NO APAGAR DAS LUZES, COMO OS ANTIGOS NARRADORES FALAVAM/
PRIMEIRO, O INTER DEIXOU ESCAPAR UM EMPATE NO FINALZINHO COM A CHAPECOENSE, NA ESTREIA DE CELSO ROTH/
PODERIA TER MARCADO UM PONTINHO PRECIOSO NA TABELA, A “CHAPE” ACABOU FAZENDO UM A ZERO/
DEPOIS, O INTER ERROU UMA COBRANÇA DE PÊNALTI COM VALDÍVIA, QUANDO O CONFRONTO COM O SÃO PAULO ESTAVA UM A UM,  ESTÃO LEMBRADOS?
ERAM 46 MINUTOS DO SEGUNDO TEMPO,  QUANDO O COLORADO DESPERDIÇOU A CHANCE DE VIRAR O JOGO COM O TRICOLOR PAULISTA/
NO ENCONTRO DO BEIRA-RIO, DEIXOU DE MARCAR MAIS DOIS PONTOS IMPORTANTÍSSIMOS, NA TABELA DE CLASSIFICAÇÃO/
 POR INCRÍVEL QUE POSSA PARECER O INTER DEIXOU DE SOMAR CINCO PONTOS NOS ÚLTIMOS TRÊS JOGOS,  SEMPRE NOS MINUTOS FINAIS/
SE TIVESSE SOMADO ESSES PONTOS, ESTARIA EM DÉCIMO PRIMEIRO LUGAR E MUITO LONGE DA ZONA DO REBAIXAMENTO/
DURMAM COM ESSE BARULHO TODO, MEUS LÍDERES  MÁXIMOS DO FUTEBOL BRASILEIRO/

São 72 dias sem vencer, Inter entra na zona do rebaixamento

O time segue por mais de dois meses sem ganhar. A última vitória foi contra o Atlético Mineiro, dia 16 de junho de 2016, pelo Brasileirão.

Não foi de novo que o Inter ressurgiu das cinzas como a Fênix. O time voltou de Recife com mais um empate e, agora, entrou oficialmente na zona do rebaixamento.

Os números em Pernambuco: 19 jogos com 6 empates, 6 vitórias do Sport e 7 vitórias do Internacional (sendo 5 na Ilha do Retiro). 

Grêmio empata e fica de fora do G4

Apesar dos desfalques do Atlético Mineiro, em nada podemos diminuir a grande atuação gremista. O goleiro Marcelo Grohe não fez uma defesa sequer na partida.

Na única vez que o adversário chegou, Robinho liquidou com as pretensões tricolores,  de voltar a fazer parte do G4, placar final um a um.

O Grêmio que arrancou ganhando de um a zero, gol marcado por Luan. O Galo soube aproveitar a única chance e as mais de trinta mil pessoas na Arena saíram cabisbaixas.

Opine.

Morre o maior artilheiro da história do Grêmio

Alcindo faleceu. O Daison Sant’Anna lembrou do grande centroavante gremista. Alcindo atuou no Grêmio de 1963 a 1971.

Em 1977/1978 voltou a treinar no Tricolor. Foi  6 vezes campeão gaúcho, o maior goleador do Grêmio com 229 gols.

Disputou a Copa de 1966 e jogou com Pelé no Santos em 1972/1973. Mais detalhes e informações no Café com Futebol, edição desta segunda-feira.

EDITADO: Alcindo foi campeão gaúcho pelo Grêmio em 1964, 1965, 1966, 1967, 1968 e 1977. Em 1963, jogou o Gauchão pelo Rio Grande. Já em 1977,  ele atuou no Grêmio, inclusive, marcando gols históricos naquela campanha vitoriosa: Grêmio 3×0 Internacional e Grêmio 10×0 Pelotas, ambos no Olímpico. Portanto, foram 6 e não 7 títulos gaúchos conquistados pelo maior artilheiro da história do Grêmio.